Culinária Viva

Mas afinal, o que é a Culinária Viva?

Raw food – comida crua, culinária viva ou crudivorismo – surgiu nos Estados Unidos na década de 90 e desde então vem ganhando adeptos pelo mundo e também no Brasil. Não se trata apenas de uma forma de se alimentar mas de um estilo de vida que nos reconecta com a natureza, fonte primordial dos alimentos.

A culinária viva utiliza como ingredientes basicamente sementes, brotos, oleaginosas, frutas, verduras, legumes, leites e manteigas vegetais e fermentados.

Dispensa o uso de forno e fogão para não super aquecer os alimentos e o preparo é livre de açúcar, farinha, leite e outros derivados de animais, processados ou industrializados.

O princípio básico da comida viva é aquecer os alimentos a uma temperatura de até 42 graus. Assim, preserva-se a propriedade nutricional mantendo ativas enzimas, vitaminas e minerais que seriam perdidos no processo de cozimento. Sim, esses elementos são frágeis a ponto de não suportar altas temperaturas, são aliás como as células do nosso corpo, se colocarmos o dedo na água quente, vai queimar.

E é uma pena pois essas enzimas, vitaminas e minerais desempenham papel fundamental no nosso organismo, contribuem para funções importantes como desintoxicação, digestão, absorção dos alimentos, sistema imunológico, crescimento, equilíbrio hormonal e por aí vai…. por isso devem estar presentes na nossa alimentação diária, evitando assim deficiências.

Os alimentos vivos são também chamados de biogênicos e ativos, são puros e refrescantes para o corpo, ajudando a eliminar toxinas com rapidez e eficiência, principalmente em pessoas que consomem carnes, processados, industrializados, gordurosos e açucarados.

A dieta crua é recomendada para quem quer emagrecer, desintoxicar ou experienciar a sensação de clareza mental e vitalidade física. Mesmo por um curto período de tempo já é possível sentir os resultados.

Aqui na Uncooked temos a intenção de levar um pedacinho desse universo de raw food para o seu dia a dia

Menu